Dicas de viagem: Foz do Iguaçu - Passeios.

07:35

Hey amores, tudo bom ?
Demorou mas finalmente saiu o post com as Dicas de passeios em Foz do Iguaçu. Gente, serio to com esse post há séculos aqui mas tava sem tempo pra editá-lo direitinho, maaaas aqui estoy yo.
Como vocês puderam acompanhar no ultimo post sobre Dicas de Foz do Iguaçu, dei todas as informações e dicas do hotel, passagem, passeios e etc. O post de hoje é com dicas excepcionalmente dos passeios, valores, localização, etc. Espero que esse post ajude vocês e quem tiver alguma dúvida é só deixar nos comentários, ok? Então bora lá?!

Centro: Como disse anteriormente, no Centro de Foz tem todas as opções de barzinho possíveis. Pra quem curte balada tem a Woods Casa de Show (não sei informar o valor pois só passei na frente), e vários barzinhos com muito sertanejo ao vivo pra curtir a noite. Pra quem esta com a família tem fast-foods com Subway e Mc Donalds. Se preferir também tem pizzarias e restaurantes com refeições locais e com preços camaradas. Recomendo o Bier Garden que foi onde jantamos quase todas as noites e a comida é maravilhosa. Não poderia ficar sem meu arroz, feijão e batata-frita então corri pra lá mesmo. Sem contar que o contra filé e a picanha na pedra é maravilhosa, então fica a dica.
Cataratas lado brasileiro: Pra irmos as Cataratas já tínhamos o transfer da All Brazil Tour incluso, e o ingresso compramos lá na hora. Pagamos 35,00 por sermos do Mercosul, achei um valor caro pois os moradores de Foz pagam apenas 7,00. Para turistas fora do Mercosul o ingresso custa 45,00. Nos ingressos já está incluso a entrada do ônibus que vai levar ate a entrada da trilha das cataratas, não precisamos pois fomos na van da All Brasil.  Fizemos 40 minutos de trilha, isso parando nos principais pontos para tirar foto, portanto recomendo que vá de tênis e levem água. A viagem não é tão exaustiva pois o trajeto é recheado de visões diferentes das cataratas então no final das contas, tudo vale a pena.  Ao chegar no ponto principal, que é as Cataratas, você se esquece do quanto andou pois a visão é maravilhosa. Que lugar fantástico, é uma benção, uma paz incrível. Ao sair das cataratas tem um espaço com restaurantes, lanchonetes, lugares para comprar lembrancinhas e se distraírem com os quatis (e por favor, não os alimentem pois ele ate são fofos, mas uma mordida pode transferir raiva).


Usina Hidrelétrica de Itaipu: O passeio da usina não tinha nenhum transfer incluso então fomos de busão mesmo. Pagamos 2,15 e pegamos um ônibus só, ele deixa na entrada da usina.  Chegamos na usina por volta das 12 horas e não conseguimos fazer o circuito especial (que é um tour por dentro da usina e custa 60,00), pois não tinha mais vagas. Portanto, fizemos a vista panorâmica que é pelo lado de fora e custou 20,00. O passeio dura aproximadamente 40 minutos, e achei suficiente. As comportas não estavam abertas pois o nível de água estavam bem baixo então não pude ver aquela belezura jorrando água, mas mesmo assim vale a pena o passeio.


Ecomuseu: O Ecomuseu é um passeio que super recomendo. Lá tem retratos, maquetes e exposições de tudo sobre Foz do Iguaçu e da usina Hidrelétrica. Desde seus primeiros povos até a construção da usina é incrível poder conhecer como tudo começou. Acho importantíssimo que façam esse passeio para conhecer a história local e claro tirar muitas fotos nesse lugar lindo.



Cassino - Argentina: O passeio do Cassino fizemos pela agência do hotel mesmo, a NG Travel.  O transfer leva ate a entrada do Casino e lá você tem que comprar 20$ em ficha, não é obrigado a gastar é só caso queira jogar, no final do passeio se não usou eles devolvem o dinheiro. Você tem direito a duas bebidas gratuitas e pode curtir e apostar a vontade. Eu sou super azarenta pra jogo, então nem preciso dizer que perdi os 20$ né? Já o Fê, jogou 20 e ganhou 35,00. Dentro do Cassino é incrível, igualzinho nos filmes. Pessoas apostando e vibrando a todo momento, é uma experiência incrível.


Cataratas lado Argentino: As cataratas do lado argentino, mas conhecida como "garganta do diabo'' também fizemos com a All Brazil Tour. O ingresso lá custa 45,00 e tem que ser em peso, eles não aceitam real nem dólar então não esqueçam de trocar. Quando chegamos lá pegamos uma trilha de 20 minutos pois a fila para pegar o trenzinho que leva direto para a estação da garganta do diabo estava hiper mega lotada, então pegamos a trilha para poder pegar o trenzinho na segunda estação, pois segundo nossas expectativas estaria mais tranquilo. Bobagem! Estava lotado também, ficamos mais de 1h30min na fila, num calor de 40°, uma coisa tensa demais. Porém o trajeto no trenzinho é beeeeeeeem mais tranquilo, como costumo dizer, era "sombra e água fresca" (risos). Ao chegar na estação da garganta do diabo, se preparem para andar por mais 15 minutos numa passarela até chegar ao ponto principal. No quesito trilha, o lado brasileiro é bem mais bonito. Agora, com relação a vista estou indecisa porque a famosa Garganta do Diabo, é sensacional. É muita água gente, perfeição demais. Quando saímos de lá, pegamos novamente o trenzinho (dessa vez numa fila bem menor) e voltamos para a segunda estação para conhecer as cataras por "dentro", o que é fantástico, a vista é maravilhosa a cada passo, impressionante. Depois voltamos para a estação e pegamos a van de volta. Próxima parada? Duty free da Argentina.


Ice Bar: Gente, que lugar sensacional. Ficamos a -10º e não podíamos tirar as luvas pois é muito frio. O passeio dura 30 minutos com bebida liberada e o ingresso custa 30,00.

Duty Free Argentina: Então gente, infelizmente não tenho fotos dentro do Duty Free pois lá não pode fotografar. O lugar é bem grande e vende de tudo, eu sinceramente achei tudo muito caro. Entrei só pra conhecer mesmo, até porque no dia seguinte iria ao Paraguai. Logo na entrada eles fecham sua bolsa, e lá dentro você encontra de tudo um pouco, mas não se iludam achando que vão achar coisas baratas, porque não vão.

Compras no Paraguai: Gente, o Paraguai é o lugar das compras haha. Eu confesso que não olhei direto o Free Shop, fui direto nas lojas que eu já conhecia (pesquisei muito na internet antes de viajar). Até porque começou a chover muito, e lá não tem sinal de trânsito, as ruas são barrentas então já viram a loucura né? Sem contar que as lojas são hiper mega cheias, então fui direto nas que eu queria comprar. Os preços sim, são bem diferentes. Em relação a eletrônicos a diferença era sempre de uns 200 / 300 reais, mas se parar pra pensar,  se houver algum problema fica quase que impossível trocar, sendo assim não comprei nada nesse quesito. Agora com relação á maquiagem, perfume, produtos pra cabelo, o preço é absurdamente mais barato. Ah, e mostrei as comprinhas nesse vídeo aqui.  Também demos muita sorte quando saímos, pois nossa van não foi parada na Aduana.


Parque das Aves: Gente, que lugar mágico. Fiquei completamente encantada por esse lugar, cada ave linda! Nós pagamos 20,00 pra entrar e o passeio dura 1h30 mais ou menos. Lá você encontra todo tipo de aves, sem contar que vimos também jacaré, iguanas e cobras. A melhor parte é quando entramos no viveiro das aves e elas ficam voando por cima das nossas cabeças, é lindo! E no final, é claro a gente pode tirar foto com elas.


Então é isso amores, esse é um pequeno resumo dos passeios que fizemos em Foz do Iguaçu. Se quiserem saber um pouco mais é só assitirem aos vlogs e qualquer dúvida é só deixar nos comentários, ok?
Beeijos e até a próxima ;*

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada pelo seu comentário, volte sempre! ;*